segunda-feira, 27 de abril de 2009

Principio da Sobrecarga


Também conhecido como o principio da elevação progressiva da carga. Este principio relaciona-se às adaptações sofridas pelo organismo em conseqüência aos estímulos de treinamento (esforço físico). O aumento regular e progressivo da carga (total) de trabalho é que possibilitará a almejada melhoria de rendimento. Observa-se que essa reação do organismo é muito rápida inicialmente, tornando-se mais lenta à medida que o indivíduo atinge níveis de performance cada vez maiores e melhores.
Ou seja, o princípio da sobrecarga diz que para um atleta obter uma resposta satisfatória ao treinamento, deverá ser aplicado uma sobrecarga com o exercício específico para a atividade.
Por exemplo: O organismo sofre ajustes ao exercício. Se um atleta está fazendo um treinamento onde ele pedala uma certa distância a uma velocidade média de 25km/h o seu organismo vai se ajustar para aquele esforço, por isso depois de um tempo vai ficar relativamente fácil de pedalar nesse ritmo, e se ele se manter nesse ritmo não vai ter nenhum ganho de condição física. Então deve-se adicionar uma sobrecarga ao exercício, podendo se o aumento da velocidade ou da distância por exemplo. Dizemos então que se um exercício está fácil é porque houve um ganho de condição física.
A este principio estão ligados mais alguns outros: Princípio da Especificidade, Princípio da Continuidade, Princípio da Aplicação da Carga Crescente, Princípio da Aplicação da Carga Variável, Princípio da Sucessão Exata, Princípio da Periodização.

6 comentários:

Hinata disse...

adoreiiiiii me ajudou muito , muito obrigado para quem fez esse trabalho muito obrigado mesmo

EDERSON PAULINO disse...

Obrigado abriu minha mente sobre o assunto.

Leonardo disse...

Valeo mesmo , me Ajudou muito em um trabalho de Ed Física !!!

Peko disse...

Muito bom a explicação desse conseito. Muito obrigado me ajudou muito.

.Naya Gomes disse...

muito bom, esclareu parte de minhas dúvidas.

Jose Luiz Catari Vargas disse...

Opa ... Muito bom mesmo ... Valeu pra quem fez :)